Go to Top

O que Sorriso, capital brasileira do agronegócio, tem a ver com a mineração?

William Freire

O Valor Econômico, de 2 de outubro de 2020, trouxe a seguinte manchete: Sorriso lidera o valor da produção agrícola no Brasil.

Mostra que a Cidade, no Norte do Mato Grosso teve a maior produção agrícola em 2019, chegando a incríveis R$ 3,9 bilhões.

Mato Grosso superou São Paulo, assumindo a primeira posição no ranking dos Estados com expressão agrícola.

Mas nem tudo é soja. Sorriso também produz milho em quantidade. Sapezal, no mesmo Estado, tem a vice-liderança, também colhendo algodão.

São Paulo, o Estado que ficou em segundo lugar, permanece líder na cultura de cana-de-açúcar e terceira posição na de café.

Além da alta produtividade, que depende dos fertilizantes minerais, todos os Estados cuja produção agrícola é relevante usam tecnologia de ponta.

Isso faz com que tais Estados tenham mais um ponto em comum: a dependência da mineração.

Sem os fertilizantes minerais seria impossível alcançar tal produtividade; sem a mineração não existiria tecnologia de ponta.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *